CRIA CUERVOS

CRÍA CUERVOS… (IDEM)
Dirigido por: Carlos Saura
Duração: 104 minutos

Há filmes que você demora a assistir apenas porque o título não é bom e você tem medo de se decepcionar porque não conhece o diretor e muito menos os diretores, este filme espanhol de 76 é um exemplo destes, mas que acabam lhe conquistando depois de ter assistido.
Cria Cuervos é a estória de uma menina, Ana, que lembra da sua triste infância, sua mãe morreu logo quando ela tinha poucos anos de vida, lembra apenas de que sua mãe era muito carinhosa com ela, mas que vivia brigando com seu pai, que chegava sempre tarde em casa e deveria estar traindo sua mãe.
A infância de Ana não foi das mais felizes, depois que viu a morte de seu pai, enquanto estava transando com outra mulher, sua infância se tornou cada vez mais depressiva e triste. Sua tia assumiu a sua guarda e de suas duas irmãs, mesmo assim sua vida não conseguiu ser mais feliz.

Ana tinha muita insônia, na maioria das vezes sonhava com os momentos que passava com sua mãe. Ana ainda cuidava de sua avó doente que não conseguia nem falar, ela chegou até a tentar ajudar a avó a cometer suicido, mas a sua inocência infantil não ajudou a avó que entendeu que a menina só queria ajudá-la.
A empregada da casa que sempre ensinava a Ana as perversões que uma mulher pode passar era sempre recriminada pela tia que apesar de querer o bem da sobrinha não tinha a capacidade de cuidar da menina e saber pelo que passava e sonhava a doce menina.
A morte se tornou um tema constante na vida de Ana que inocentemente deseja a sua própria morte, mesmo sem entender o seu verdadeiro significado, desejou a morte da tia e até tentou mata-la, mas os seus meios não foram suficientes para que a tia morresse.
Cria Cuervos mostra uma triste estória de uma triste menina que não conseguiu viver como uma criança normal de sua idade, não conseguia esquecer seus traumas junto a morte, Carlos Saura trata o assunto com uma delicadeza raramente vista no cinema, há cenas incríveis da inocência infantil diante de assuntos sérios da vida, como a morte.
Uma trama fantástica com atuações e direção incríveis, um filme que não deve ter mais divulgação por ser tão triste, mas que mostra um lado interessante e verdadeiro da vida.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s